Aos estranhos e aos cafés

Deveríamos ter marcado aquele café. Adiamos por dias, e agora os dias se foram. Deveríamos ter ido hoje, esse tempo meio cinza, meio inebriante. Por deus, eu deveria ter te olhado nos olhos hoje, te ouvindo falar de como você está, como anda levando sua vida. Eu iria sorrir, assentindo para essa sua vida que não tem mais espaço para o meu eu, mesmo que morresse por dentro em cada pausa sua. Sei que não te diria mais nada, e nem sei mais se quero dizer. Não te pediria pra voltar porque, apesar da ausência tua que me fere, não sei se quero que volte. Entre os goles do café eu te lembraria que você me ensinou os cafés amargos. Hoje o meu está novamente doce. Eu diria qualquer bobagem sobre estar bem, caminhando, vivendo. Todas essas coisas que a gente faz depois que o coração se quebrou. Faz porque tem que fazer, senão a gente ficaria de luto, escorados num canto seguro, onde ninguém visse o quanto ainda dói saber que o outro constrói um caminho todo novo e não há mais marcas dos nossos passos. Olha, meu café ia acabar e eu diria que tenho uma centena de coisas pra fazer – ah, você nem imagina como ando ocupada. Trabalho nem tem me deixado respirar. E mesmo que soasse falso, você me deixaria ir. Talvez por não saber se deveria me deixar ou se queria mesmo me deixar ir, mas deixaria. E eu iria. Num adeus meio sem jeito, num sem jeito de quem já teve a intimidade toda exposta e compartilhada, a gente aprenderia a se reconhecer estranhamente. Um desconforto.

Mas por fim, acho que deveríamos ter marcado esse café. Porque é hora de começar a nos re-conhecermos como estranhos. Um café, um último café pro gosto ficar latente. Eu te conheço, mas não te reconheço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s