Me desmancho por um doar-me, doer-me

A música que ressoa é um ruído oco. Talvez eu tenha deixado as melodias todas em seus bolsos. A voz rouca que me invade não é a sua e isso me aflige. Por deus, seus verões não me aquecem mais, e nenhum timbre seu me afaga a alma.

Mas não pense que não vou me recompor. Menina, meu café amargo que agora repousa diante desta carta é a prova de como me dilacera te escrever, nos caligrafar nesse papel imenso e vazio e amargurado e pesado. E que ninguém me dispenda compaixão. Te tenho nas mãos e assim não me basto. Porque, por deus, queria tanto não ser a que sempre ama além do possível. Queria não me consumir nesse amor por ti.

O café que esfria, o cigarro que queima, o mundo que me cerca e você que não me devora em afeto. Menina, me consumo de amor. Me desmancho por um doar-me, doer-me, morrer por ti. E morro. Mesmo aqui, mesmo em recíproco afeto, amo demais.

Teus olhos fechados, teus sonhos calados, teus dedos distantes. Minha ânsia por fugir do que me rouba de mim e minha necessidade de te ter cada vez mais fundo, mais perto da alma, do cerne. Te consumo em doses que não me sufocam, mas não me sossegam. Te consumo no sustentável, no aceitável, no que não te fere, mas me corrói a alma.

Suas distâncias me pesam os bolsos, pulsos e, menina doce, me desassossega o mundo. Te bordo em minhas paredes, retratos, te contorno em meus toques, te teço em minhas entranhas. Te amo de um jeito que me sufoca e te preciso num modo desesperado. Amo numa urgência de me fazer amar. Amo numa intensidade que me assusta, pois não sei amar. E ainda assim, amo.

Quem me dera os cigarros fossem pontas de afeto. Entre meus dedos os toques carinhosos de um vício que eu consumo. Quem me dera não fosse eu a sempre tragar a carteira inteira. Transbordar os cinzeiros de amor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s