Escapismo

O filme repete a cena que eu já devo ter visto uma centena de vezes. Um daqueles filmes que a gente assiste encantadoramente. Repetidas e repetidas vezes. Mas desta vez algo ressoava diferente. A cena, ainda que exatamente como deva ser, parece estranha. Mal ensaiada, mal representada. Os atores não se encaixam no papel, as falas soam artificiais. Tudo fora do ritmo, ainda que seja o mesmo filme.

Me dou conta de que não é o filme que soa artificial. É a vida. Sou eu. Estou estranhamente deslocada no meu próprio roteiro. Estou perdida entre meus atos e as cenas não têm muita conexão. Parecem desalinhadas, como se alguém embaralhasse o roteiro e eu, perdida, tentasse acompanhar fingindo naturalidade.

Os dias passam crus. Em tons de sépia. Em tons e timbres mortos. Deus, tenho tentado me manter em pé, mas a desobrigação da rotina me desobriga a viver. Digo, vivo pela rotina, pela aula, pelo trabalho. Morro entre esses acontecimentos. Fico num estado catatônico nos intervalos das obrigações humanas.

Como no filme, tudo ao meu redor soa como escapismo. Trabalhar, acordar, comer. E é! Porra, é. Mas meus escapismo se encerram na obrigação de quem vive: sobreviver. Me obrigo às árduas tarefas de trabalhar e comer. Às vezes me afogo numa bebida ou num cigarro que queima entre meus dedos. Mas na maioria dos dias eu apenas me recosto na minha inexatidão de vida. Me escoro na sofridão solitária de precisar continuar apenas porque sequer me restam forças para desistir. Se pudesse, ah se a vida me permitisse, eu dormiria por uns cem dias. Mas continuo inalterada. Presa nesse papel desajustado. Tudo soa artificial, frio, asqueroso. Tudo soa frívolo e ineficaz. Até meu sono pesa e não me descansa. Não me escapa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s